x

TECNOLOGIA

Startups de Direito avançam durante a pandemia e impulsionam a aceleração digital do setor

Os escritórios de advocacia e tribunais estão se adequando a novas ferramentas tecnológicas e isso tem impulsionado o avanço de startups de direito

24/06/2021 16:00:01

2,1 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Startups de Direito avançam durante a pandemia e impulsionam a aceleração digital do setor Foto: RODNAE Productions

Com as limitações físicas impostas pela pandemia e os desafios do trabalho remoto, muitos setores, até os mais conservadores, viram a necessidade de buscar soluções digitais inovadoras para atender a demanda de maneira rápida e eficiente.

Para o judiciário não foi diferente e os escritórios de advocacia e tribunais também estão se adequando a novas ferramentas tecnológicas. Isso tem impulsionado o avanço de startups de direito.

De acordo com Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs, são mais de 150 dessas startups no mercado brasileiro. 

Judiciário aposta em inovação

Em pesquisa divulgada pela Fundação Instituto de Administração (FIA), cerca de 90% das empresas aderiram ao home office em 2020. Com isso, muitos profissionais aderiram à novas tecnologias. E, segundo o Datafolha, atualmente, 45% dos advogados utilizam algum software de gestão de processos em seu trabalho.

As tecnologias chegaram também nos tribunais. Atualmente, há pelo menos 13 deles no país, como o Supremo Tribunal Federal (STF), que já utilizam algum tipo de robô para trabalhos repetitivos ou inteligência artificial para tarefas como sugestão de sentenças e indicação de jurisprudência.

Escritório em nuvem
Se antes os advogados tinham uma rotina mais analógica, onde quase tudo era feito no papel e em pilhas de processos físicos, agora estes profissionais podem contar com os meios digitais e transformam tudo em um grande “escritório virtual”.

As startups podem disponibilizar o modelo de escritório em nuvem e arquivo de documentos, processos e dados de escritórios e advogados e  modelos de petições, capazes de serem preenchidas automaticamente. 

Por meio de atualizações e inovações, o meio jurídico avança cada dia mais para a digitalização.

Fonte: Previdenciarista

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>