x

OPEN BANKING

Open banking: segunda fase deve iniciar na próxima semana; confira o que esperar

Banco Central explica que fase foi adiada de julho para o dia 13 de agosto por solicitação das instituições participantes.

05/08/2021 13:15:02

3,8 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Open banking: segunda fase deve iniciar na próxima semana; confira o que esperar Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

Prevista para o dia 15 de julho, a segunda fase do Open Banking foi adiada pelo Banco Central (BC) para início da implementação no dia 13 de agosto, que segue confirmada até o momento. De acordo com o órgão responsável, a alteração foi resultado de uma solicitação formal da estrutura de governança do projeto.

Durante o mês de julho, grande parte das organizações participantes do Open Banking ainda estavam finalizando os testes para obtenção das certificações necessárias para o registro de suas APIs. Por conta disso, o BC optou por alterar o cronograma de lançamento da segunda fase do projeto, explica João Esposito, CEO da Express CTB, accountech de contabilidade.

O que esperar na fase 2

A segunda fase do projeto envolve o compartilhamento de dados cadastrais de clientes, sempre com consentimento prévio, para abrir oportunidades a outras instituições, que não o banco do correntista, para realizarem ofertas financeiras. 

Dessa maneira, os dados de uma pessoa que possui conta no Bradesco, por exemplo, são disponibilizados para todos os bancos, mesmo que ela não seja cadastrada na instituição.

Fase 3

“A fase 3 está prevista para o dia 30 de agosto. Nesta etapa, os consumidores poderão acessar serviços de pagamento fora dos ambientes bancários. Ou seja, poderão solicitar empréstimos fora do aplicativo do banco, por exemplo. Neste momento, eles também terão a opção de compartilhar seu histórico de informações financeiras”, ressalta Esposito.

A última etapa do Open Banking será implementada em dezembro, possibilitando o compartilhamento de dados como investimentos, previdência, operações de câmbio e seguros.

Com informações João Esposito, economista e CEO da Express CTB

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>