x

DOU

Pequenos negócios ganham sistema de garantia de crédito com novo decreto publicado

De acordo com o governo, a medida visa estimular a competição bancária e proporcionar mais acesso ao crédito para esses empresários.

27/08/2021 16:00:01

2,6 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Pequenos negócios ganham sistema de garantia de crédito com novo decreto publicado Foto: Pexels

O governo federal publicou um decreto no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (16) que institui o “Sistema Nacional de Garantias de Crédito”. A medida visa facilitar o acesso ao crédito por microempresas e empresas de pequeno porte. 

A decisão do Executivo regulamenta um trecho da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, sancionada em 2006. De acordo com a legislação, o sistema de garantias deverá proporcionar a essas firmas tratamento diferenciado, favorecido e simplificado.

O decreto publicado no DOU estabeleceu que, a partir de agora, pequenos negócios poderão obter garantias em operações de crédito de entidades como sociedades de garantia solidária, cooperativas de crédito, fundos de natureza pública ou privada destinados a garantir direta ou indiretamente riscos de crédito e de outras instituições que atuam com essas garantias.

A Secretaria-Geral da Presidência da República, por meio de nota, disse que “a criação desse novo sistema possui potencial para estimular a competição bancária, a eficiência do mercado e proporcionar maior acesso ao crédito, além de contribuir para a retomada da economia”.

A medida já está em vigor, com exceção do artigo sexto, que determina às entidades autorizadas a outorgar garantias em operações de crédito no âmbito do Sistema Nacional de Garantias de Crédito, a manter na internet informações sobre a origem dos recursos que lastreiam as garantias emitidas e os saldos agregados das operações de crédito garantidas e ativas, segregados por pontuação dos tomadores e por vencimento. 

O decreto estipula que esse trecho entrará em vigor em 180 dias.

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.