x

CRIPTOMOEDAS

Polícia Federal e Receita fazem nova ação contra fraudes com criptomoedas

É a segunda fase da Operação Kryptus no Rio de Janeiro.

09/09/2021 10:00:01

15,1 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Polícia Federal e Receita fazem nova ação contra fraudes com criptomoedas Foto: Pexels

Policiais federais com apoio da Receita executam nesta quinta-feira (9) dois mandados de prisão preventiva e dois de busca e apreensão contra acusados de práticas fraudulentas utilizando criptomoedas, no Rio de Janeiro. 

Esta é a segunda fase da Operação Kryptus, que investiga a prática ilegal de pirâmide financeira e que já prendeu um suspeito, que possuía na ocaisão mais de 591 bitcoins, avaliado em mais de R$ 150 milhões.

Como em um mercado volátil como o das criptomoedas (que incluem os bitcoins), não é sustentável prometer uma rentabilidade fixa aos investidores, a empresa recorreria a uma pirâmide financeira.

A pirâmide é um esquema ilegal em que o lucro é gerado pelo aporte de novos clientes e não pela natureza lucrativa das operações. E, para evitar o colapso do sistema, é preciso continuar expandindo a rede de clientes.

O esquema gera enriquecimento dos mentores da pirâmide que, segundo a Receita, não declaram seus lucros ao fisco.

Fonte: Agência Brasil

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

Ajude a divulgar o nosso Congresso de Contabilidade.

Inscreva-se e compartilhe

Salve a imagem e compartilhe em suas redes sociais.

?>