x

TRABALHISTA

PIS/Pasep: 23 milhões de colaboradores receberão o abono salarial; Consulta pode ser feita a partir de fevereiro

Quantia total chega a R$21,82 bi e valores começam a ser pagos no dia 8 de fevereiro.

11/01/2022 10:20:02

5,3 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

PIS/Pasep: 23 milhões de colaboradores receberão o abono salarial; Consulta pode ser feita a partir de fevereiro JoelFotos

De acordo com informações do ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, e do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, 23 milhões de trabalhadores brasileiros terão direito ao pagamento do Programa de Integração Social e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep) neste ano.

O montante pago em 2022 chega a R$21,82 bilhões e o acerto poderá ser consultado a partir do dia primeiro de fevereiro. Já a liberação dos depósitos deve acontecer a partir do dia 8 de fevereiro para colaboradores da iniciativa privada (PIS) e no dia 15 para aqueles do setor público (Pasep).

A Caixa é responsável por realizar o depósito a 22 milhões de brasileiros neste ano, no valor total de R$19,5 bi. Funcionários que possuem conta na Caixa Tem ou conta corrente na instituição recebem o pagamento pelo próprio aplicativo de forma automática. 

Já para os servidores com acesso pelo Pasep, recebem pelo Banco do Brasil, que fará mais de um milhão de depósitos, no valor total de R$2,32 bi.

Cerca de 107 mil trabalhadores podem ter o saque antecipado, independente do mês de nascimento, devido aos recentes acontecimentos em Minas Gerais e na Bahia.

Quem tem direito ao PIS/Pasep

O trabalhador pode consultar se tem direito aos valores no aplicativo da Carteira de Trabalho Digital para smartphones, ou no portal gov.br. Após o login, basta acessar “benefícios” e depois “abono salarial”.

 

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.