x

EMPRESARIAL

Você sabe o que é um plano de contingência empresarial? Entenda a importância e as vantagens de ter um

Confira o guia realizado por especialistas da consultoria Robert Half para explicar o que é um plano de contingência emergencial e quando ele é necessário.

03/04/2022 09:00:01

2,2 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Você sabe o que é um plano de contingência empresarial? Entenda a importância e as vantagens de ter um Pexels

Entre alguns ensinamentos que a pandemia de Covid-19 trouxe, ao impactar todos os setores e países de forma inesperada, é a importância de uma organização estar bem preparada para acontecimentos imprevistos e indesejados.

O plano de contingência entra justamente nessa parte, sendo um plano fundamental para garantir a segurança e estabilidade para qualquer estrutura empresarial. Sendo assim, ter um planejamento bem estruturado é um fator determinante para a sobrevivência do negócio.

Com isso em vista, a empresa de consultoria de recursos humanos Robert Half preparou um guia para explicar os principais pontos para o plano de contingência empresarial.

O que é um plano de contingência e para que serve

O plano de contingência consiste em um documento elaborado, com medidas preventivas e de execução, para casos de ocorrência de algum acidente (de causas naturais ou físicas). 

Trata-se de um planejamento que visa treinar, organizar, orientar, facilitar e agilizar as ações para dar respostas rápidas de controle e combate às ocorrências imprevistas.

Por essa razão, o plano de contingência para as empresas é indispensável para o andamento dos negócios, principalmente após situações emergenciais.

Podemos considerar o planejamento como um auxiliar preventivo e reativo, o qual demonstra grande eficácia na previsão e controle de crises, calamidade pública e emergência — como a pandemia do coronavírus.

Esse documento propõe diferentes procedimentos atípicos para manter o funcionamento dos negócios, principalmente quando a sobrevivência da organização está sendo prejudicada por crises internas ou externas. A estrutura do planejamento é dividida em quatro fases, são elas:

  • Avaliação da empresa;
  • Elaboração do plano;
  • Viabilização das provas;
  • Ato de execução das ações.

A importância do plano de contingência

O plano de contingência para empresas, a princípio, oferece um planejamento de ações para mitigar riscos dos negócios diante a acontecimentos imprevistos, acelerando a recuperação de desastres e garantindo a continuidade das atividades.

Como exemplo disso, a pandemia do COVID-19 evidenciou a essencialidade de um plano de contingência para empresas bem elaborado, já que a necessidade de isolamento social e a barreira de atividades de muitos setores fez com que as organizações adaptassem seus negócios para o mundo digital.

Confira alguns dos pontos mais importantes do plano de contingência:

O plano de contingência é a diferença entre uma empresa sucumbir ao desastre ou sobreviver a ele sem muitas perdas. Sendo assim, ao sofrer uma pausa forçada, como queda de energia ou desastre natural, esse planejamento pode suavizar os danos e prejuízos financeiros na organização.

Redução de riscos

Ao sinal de qualquer problema, os colaboradores da empresa estarão devidamente treinados com um plano de ação, ou seja, não haverá reações imprevistas e desorganizadas. Além disso, o plano de contingência para empresas reduz tanto o risco de vida das pessoas quanto a perda do patrimônio.

Garantir o desenvolvimento da organização

O plano de contingência deve ser revisado constantemente pela empresas e, por isso, os responsáveis são obrigados a identificar probabilidades de riscos, as quais, muitas vezes, nem a própria organização conseguiria ter conhecimento. Certamente, com esse respaldo o negócio garante o desenvolvimento constante.

Portanto, o plano de contingência para empresas é uma ferramenta essencial para minimizar danos e reduzir ou evitar prejuízos que podem interromper as atividades do negócio. 

Para desenvolver um bom planejamento, reúna uma equipe de profissionais especializados no assunto e/ou conte com a ajuda de uma consultoria que consiga antecipar crises e prever soluções para as diferentes situações.

Com informações Robert Half Consultoria

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.