x

EMPRESARIAL

MEI: 7 em cada 10 microempreendedores tinham emprego antes de abrir próprio negócio, segundo pesquisa

Atualmente, já são 14 milhões de Microempreendedores Individuais (MEI) registrados no país.

23/05/2022 15:00:02

1,6 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

MEI: 7 em cada 10 microempreendedores tinham emprego antes de abrir próprio negócio, segundo pesquisa PxHere

De acordo com uma nova análise realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Nacional), sete em cada dez Microempreendedores Individuais (MEIs) tinham emprego antes de abrir sua própria empresa.

Segundo o estudo, o resultado demonstra que mais pessoas estão apostando no empreendedorismo no Brasil motivadas por uma necessidade desse perfil de trabalhadores nos últimos três anos.

Em 2022, o número de empresários que se registraram na categoria e estavam trabalhando antes subiu 4%, passando para 67% neste ano, contra 63% em 2019. Desse total, 51% atuavam com carteira assinada e 16% trabalhavam sem registro.

A análise também apontou uma redução na proporção de MEIs que já atuavam como empresários na informalidade, passando de 21% em 2019 para 15% neste ano.

Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, o estudo comprova a importância da categoria na economia do país, já que o formato reduz as burocracias e tributações.

“Uma das explicações para essa queda [da atuação informal antes do MEI] é o fato de que houve um grande número de formalizações desde o início da pandemia. Apenas em 2021, foram criados 3,1 milhões de MEIs e podemos concluir que parte desse grupo atuava na informalidade”, destaca o presidente.

Em comunicado, Melles ainda reforça as vantagens da modalidade, que assegura o acesso a diversos benefícios e vantagens ao empreendedor, como aposentadoria, auxílio-doença e afastamento, salário-maternidade, no caso de gestante e adotantes, além de garantias também para a família, como pensão por morte e auxílio-reclusão.

O MEI existe no país há 12 anos e já conta com 14 milhões de registros, de acordo com o Ministério da Economia, que ainda revelou que em 2022, 646 mil novos profissionais autônomos já fizeram seus registros até o momento.

Leia também: 

Aumento do teto do Simples custará R$66 bi e Câmara avalia elevar só o do MEI

 

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.