x

ECONOMIA

Alckmin afirma que governo voltou a mirar taxação de compras internacionais de até US$ 50

Alckmin reforçou que não há decisão sobre o tema, no entanto, que ele defende a medida.

29/11/2023 15:00:01

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
Governo quer taxar compras internacionais de até US$ 50

Alckmin afirma que governo voltou a mirar taxação de compras internacionais de até US$ 50

O vice-presidente do país, Geraldo Alckmin (PSB), afirmou nesta terça-feira (28) que o próximo passo do governo em relação ao Imposto de Importação é taxar as compras internacionais de até US$ 50.

Atualmente, compras até este valor estão isentas do imposto desde que as varejistas internacionais tenham aderido ao Remessa Conforme, criação do próprio governo, mas que segue sendo alvo de críticas dos varejistas brasileiros.

Vale lembrar que compras acima desse valor tem a cobrança do Imposto de Importação com alíquota de 60% do valor.

"Comércio eletrônico foi feito o trabalho nas plataformas digitais para formalização dos importados. Já começou a tributação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e o próximo passo é o Imposto de Importação, mesmo com os menos de US$ 50", afirmou o presidente em exercício Geraldo Alckmin em evento em Brasília, enquanto Lula está cumprindo sua agenda de compromissos internacionais.

Alckmin ainda reforçou que não há decisão sobre o tema, no entanto, que ele defende a medida.

O Orçamento de 2024 pode trazer a retomada do Imposto de Importação com uma alíquota de 20% e a equipe econômica do governo prevê arrecadar R$ 2,86 bilhões com a taxa sobre essas compras, o que aumentaria a fiscalização e iniciativas como o Remessa Conforme.

Leia mais sobre

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.