x

ABONO SALARIAL

MTE disponibiliza consulta de valores e datas de pagamento do abono salarial

Trabalhadores poderão fazer suas consultas pela Carteira de Trabalho Digital ou no gov.br.

06/02/2024 17:00:01

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
Abono salarial: trabalhadores já podem consultar valores

MTE disponibiliza consulta de valores e datas de pagamento do abono salarial

Nesta segunda-feira (5), o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) disponibilizou a consulta de valores do abono salarial, com as respectivas datas e bancos de pagamento.

Os trabalhadores que quiserem fazer a consulta, devem acessar a Carteira de Trabalho Digital ou também o portal gov.br.

Em 2024, o calendário de pagamento do abono salarial foi unificado para os trabalhadores nas iniciativas privadas e dos servidores públicos.

Além disso, em 15 de fevereiro deste ano, o pagamento considerará o mês de nascimento do trabalhador e trabalhadora para disponibilizar o benefício.

Terão direito ao abono salarial neste ano 24.874.071 trabalhadores, com um gasto de aproximadamente R$ 27 bilhões.

Com relação aos valores, o abono pode variar de R$ 118 a R$ 1.412, de acordo com a quantidade de meses trabalhados durante o ano-base 2022.

Uma outra novidade para este ano é que a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev) atualizou a solução que viabiliza o pagamento, dando maior agilidade e confiabilidade no processamento do benefício para o MTE.

A partir de agora, o reconhecimento é feito a partir do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) e por meio da Relação Anual de Informações (RAIS) , usando o CPF para identificação dos trabalhadores.

Quem tem direito ao abono salarial?

Tem direito ao abono salarial todos os trabalhadores que atendem aos critérios de habilitação, entre eles:

  • Estar cadastrado no Programa de Integração Social/Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep) há pelo menos cinco anos, contando a data do primeiro vínculo;
  • Ter recebido de empregadores contribuintes para o PIS ou Pasep até dois salários-mínimos médios de remuneração mensal no período trabalhado;
  • Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
  • Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na RAIS ou no eSocial do ano-base considerado para apuração.

Calendário de pagamento

Nascidos em 

Recebem a partir de 

Recebem até 

Janeiro

15/02/2024

27/12/2024

Fevereiro

15/03/2024

27/12/2024

Março

15/04/2024

27/12/2024

Abril

15/04/2024

27/12/2024

Maio

15/05/2024

27/12/2024

Junho

15/05/2024

27/12/2024

Julho

15/06/2024

27/12/2024

Agosto

15/06/2024

27/12/2024

Setembro

15/07/2024

27/12/2024

Outubro

15/07/2024

27/12/2024

Novembro

15/08/2024

27/12/2024

Dezembro

15/08/2024

27/12/2024

 

Leia mais sobre

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.