Contábeis o portal da profissão contábil

24
Nov 2014
07:10

BUSCAR NO FÓRUM

buscar


Qual a CBO da função serviços gerais

20   respostas
24.922   acessos
  

POSTS RELACIONADOS

Melânia Oliveira

Usuário Novo

postada em: Quarta-Feira, 19 de setembro de 2012 às 23:43:23
Olá amigos, gostaria de saber qual a CBO de serviços gerais.


Grata

Amigos, gostaria de saber qual é a CBO de serviços gerais

Grata
Ione Faria

Usuário Novo

postada em: Quinta-Feira, 20 de setembro de 2012 às 07:56:01
Bom dia, Melânia.

Depende da atividade da empresa; na atividade rural o de serviços gerais é 622020.
Você pode baixar o programa com todos ou apenas consultar no site do MTE

http://www.mtecbo.gov.br/cbosite/pages/saibamais.jsf
postada em: Quinta-Feira, 20 de setembro de 2012 às 08:14:58
Bom dia!!!
Nas empresas com que trabalho, a CBO é 5143-25 para auxiliar de serviços gerais e 5143-20 para serviços gerais.
Espero que isso te ajude!
Leandro Ghislandi

Usuário Estrela Dourada

postada em: Quinta-Feira, 20 de setembro de 2012 às 10:04:15
Bom dia

Patricia, esses CBO's postados por vc são de trabalhador na manutenção de edificações e faxineiro, respectivamente.

Na verdade não tem a função "serviços gerais", vai depender muito da atividade da empresa e vc deve achar o que mais se encaixa no site do MTE.

Em indústrias geralmente uso o 7842-05 Alimentador de Linha de Produção
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Quinta-Feira, 20 de setembro de 2012 às 10:51:32
Esse negócio de CBO é um caso complicado. Já tive problemas em relação a trabalhadores de entidades beneficentes de assistência social (ONG).

Outro dia precisei encontrar um CBO para o cargo de Monitor de Alunos, mas de ONG (não pública, pois, mesmo não cobrando nada dos assistidos, ela é particular). Só encontrei Monitor para entidade pública (ou exercício de funcão pública).

A mesma situação aconteceu também quando a entidade contratou Serviçais e Serventes (são essas as moneclaturas usada pela instituição e registradas nas carteiras de trabalho). Basicamente seriam auxiliares de serviços gerais, que fazem de tudo um pouco, limpando vidraças, capinando, varrendo a escola que há na instituição, lavando copos, etc. Sinceramente não achei nos Códigos CBO nada que se encaixa-se "perfeitamente".

Se alguém souber de alguma CBO para os cargos que citei, por favor, fiquem à vontade para "citá-los".
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Quinta-Feira, 18 de outubro de 2012 às 09:04:10
Voltando ao assunto novamente: alguém teria uma sugestão sobre qual CBO usar para Monitor de Alunos que trabalhe em uma entidade beneficente de assistência social (ONG), mas que não é púllica e sim privada?

Até encontrei este:

3341 :: Inspetores de alunos e afins


Títulos

3341-05 - Inspetor de alunos de escola privada

3341-10 - Inspetor de alunos de escola pública

Agente de organização escolar, Agente educador, Auxiliar técnico de educação, Bedel, Inspetor de alunos, Inspetor de disciplina, Monitor de alunos


3341-15 - Monitor de transporte escolar

Descrição Sumária


Cuidam da segurança do aluno nas dependências e proximidades da escola e durante o transporte escolar. Inspecionam o comportamento dos alunos no ambiente escolar e durante o transporte escolar. Orientam alunos sobre regras e procedimentos, regimento escolar, cumprimento de horários; ouvem reclamações e analisam fatos. Prestam apoio às atividades acadêmicas; controlam as atividades livres dos alunos, orientando entrada e saída de alunos, fiscalizando espaços de recreação, definindo limites nas atividades livres. Organizam ambiente escolar e providenciam manutenção predial.


Até tem um Inspetor de alunos de escola privada, mas não sei se seria examente isso. Na verdade, os monitores dessa ONG que estou falando, tem como funções cuidar dos alunos e ensinar algumas tarefas como varrer e capinar, cuidar de jardim e outros trabalhos manuais.

Enfim, se alguém souber de alguma CBO que se encaixe nessas características, fico agradecido.

Plácido Filho

Usuário 4 Estrelas de Prata

postada em: Quinta-Feira, 18 de outubro de 2012 às 09:54:28
Wellison,

Qual é a formação desse funcionário?

Sds,

Persistir na raiva é como apanhar um pedaço de carvão quente com a intenção de o atirar em alguém. É sempre quem levanta a pedra que se queima. (Siddhartha Gautama )
Plácido Filho

Usuário 4 Estrelas de Prata

postada em: Quinta-Feira, 18 de outubro de 2012 às 10:01:58
Pergunto porque a classificação de funcionários neste grupo 3 requer uma qualificação específica.
Este grande grupo compreende as ocupações cujas atividades
principais requerem para seu desempenho conhecimentos técnicos
e experiência em várias disciplinas das ciências físicas e biológicas
ou das ciências sociais e humanas. Essas atividades consistem em
desempenhar trabalhos técnicos relacionados com a aplicação dos
conceitos e métodos em relação às esferas já mencionadas referentes
à educação de nível médio. A maioria das ocupações deste grande
grupo relacionam-se ao nível 3 de competência da Classificação
Internacional Uniforme de Ocupações – CIUO 88
ESTE GRANDE GRUPO COMPREENDE
Técnicos polivalentes
Técnicos de nível médio das ciências físicas, químicas, engenharia e afins
Técnicos de nível médio das ciências biológicas,
bioquímicas, da saúde e afins
Professores leigos de nível médio
Técnicos de nível médio em serviços de transporte
Técnicos de nível médio das ciências administrativas
Técnicos de nível médio dos serviços culturais,
das comunicações e dos desportos
Outros técnicos de nível médio
ESTE GRUPO NÃO COMPREENDE
Profissionais de nível superior (exceto alguns tecnólogos), cuja
denominação de “técnico” foi consagrada no mercado.


Fonte: MTE

Persistir na raiva é como apanhar um pedaço de carvão quente com a intenção de o atirar em alguém. É sempre quem levanta a pedra que se queima. (Siddhartha Gautama )
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 23 de outubro de 2012 às 08:13:30
Bom dia Plácido e todos do Fórum.

Na verdade a função que os monitores de alunos exercem nessa ONG ( repetindo, que, apesar de não cobrar nada dos assistidos não é uma entidade pública), é tomar conta dos alunos e ensinar algumas rotinas como capinar, varrer, culinária para as meninas e outros trabalhos manuais. Há funcionários com 2º grau, com 1º e até mesmo com apenas a 4ª série do ensino fundamental.

Enfim, tá difícil encontrar uma CBO que se encaixe na função. Os responsáveis pela ONG mandam registra como Monitor de Alunos, mas, como dito, encontrar uma CBO fica meio complicado.

Se alguém puder ajudar, fico grato.
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Segunda-Feira, 5 de novembro de 2012 às 10:11:06
Alguém saberia alguma CBO para o Cargo Monitor de Alunos, sendo que este futuro empregado tem apenas o 1º grau e trabalhará numa ONG privada?
postada em: Segunda-Feira, 5 de novembro de 2012 às 10:34:58
Bom dia Wellison,

3341-10 - Inspetor de alunos de escola pública
Agente de organização escolar, Agente educador, Auxiliar técnico de educação, Bedel, Inspetor de alunos, Inspetor de disciplina, Monitor de alunos

Abraços

Vânia Ribeiro de Campos

Serviços On-line de Terceirização e Consultoria em Departamento Pessoal/Previdência Social (Benefícios/Aposentadoria)

"Respeite as Regras do Fórum"
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 6 de novembro de 2012 às 08:46:09
Oi Vânia!
Primeiramente obrigado pela atenção. O problema é que, repito, não se trata de escola pública e sim de uma ONG (escola de atendimento especializado para crianças excepcionais, mas que não é pública e sim privada, mesmo não cobrando qualquer valor dos assistidos). Até tem um Inspetor de Alunos para Escola Privada, mas exige ensino médio completo, o que não é o caso dos funcionários em questão, visto, a maioira, ter apenas o 1º grau.

Você ou outro amigo tem alguma outra sugestão para o caso?
postada em: Terça-Feira, 6 de novembro de 2012 às 08:56:44
Bom dia amigo

Eu utilizaria o CBO 3341-10, com a nomenclatura "Monitor de alunos".

Att,

Vânia Ribeiro de Campos

Serviços On-line de Terceirização e Consultoria em Departamento Pessoal/Previdência Social (Benefícios/Aposentadoria)

"Respeite as Regras do Fórum"
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 13 de novembro de 2012 às 08:49:22
Será que é errado eu colocar para esses Monitores de ONG Privada a CBO de Alunos de Escola Pública (3341-10)?
postada em: Terça-Feira, 13 de novembro de 2012 às 09:08:07
Bom dia Colega

Você pode utilizar este: 3341-05 - Inspetor de alunos de escola privada e mudar a nomenclatura. O que acha?

Att,

Vânia Ribeiro de Campos

Serviços On-line de Terceirização e Consultoria em Departamento Pessoal/Previdência Social (Benefícios/Aposentadoria)

"Respeite as Regras do Fórum"
Eduardo Hussar Rodolfo

Usuário Novo

postada em: Terça-Feira, 13 de novembro de 2012 às 09:29:14
Neste caso da entidade social eu uso o CBO 3311-10 Auxiliar de Desenvolvimento Infantil, para os monitores.

Abraços,

Eduardo Hussar Rodolfo
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 13 de novembro de 2012 às 10:05:49
Vânia, mas o problema até não é a moneclatura, ou seja, o nome da função que vai constar na Carteira de trabalho. Poderia deixar a função como Monitor de Alunos e com a CBO 3341-05 (Inspetor de alunos de escola privada). A questão é que, quando for informar isso na RAIS, acho que o programa não vai aceitar, dizendo que a CBO em questão exige de escolaridade o 2º grau completo. Então o problema não é nome Monitor de Alunos ou Inspetor de Alunos, o problema é a CBO.
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 13 de novembro de 2012 às 10:15:08
Eduardo,

No caso, lendo as características da CBO que você sugeriu (3311-10 Auxiliar de Desenvolvimento Infantil), entendo que não se encaixaria bem com as funções desempenhas por estes Monitores da ONG em questão. As atribuições dos mesmos nesta entidade de assistência social são tomar conta de alunos e ensinar-lhes na prática, dentro do possível, tarefas como capina, limpeza de jardins, culinária, artesanato e outros trabalhos manuais. A CBO informada por você tem mais características pedagógicas ou teóricas em relação ao desempenho das funções pelo profissional.
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Quarta-Feira, 14 de novembro de 2012 às 08:31:01
Tá complicada a situação. Alguém tem mais alguma sugestão?
Eduardo Hussar Rodolfo

Usuário Novo

postada em: Quarta-Feira, 14 de novembro de 2012 às 09:03:24
Wellison,

Veja o cbo 5153-10 Agente de Ação Social e também cbo 3331-10 Instrutor de Cursos Livres.

Uma dica não fique "amarrado" com isso, o importante é as obrigações pisos salariais, fgts em dia, benefícios, seguir as convenções coletivas!

Abraços,

Eduardo Hussar Rodolfo
Wellison Cristiano Magalhães

Usuário 2 Estrelas Novas

postada em: Terça-Feira, 20 de novembro de 2012 às 11:26:06
Obrigado Eduardo!

Tenho tentado, pelo menos, achar uma mais aproximada com a função que os Monitores realmente desempenham na entidade, que são tomar conta de alunos e ensinar-lhes algumas tarefas, como capina, tomar conta de jardins, produzir artesanatos, aprender práticas de culinária e outros trabalhos manuais.

Essa CBO 3341-05 - Inspetor de alunos de escola privada - seria bem aceitável. O grande problema é que exige que o profissional tenha o ensino médio completo, coisa que os monitores da instituição em questão não têm.

Até tinha pensado numa outra:

3322-05 Professor prático no ensino profissionalizante - Instrutor no ensino
profissionalizante.

DESCRIÇÃO SUMÁRIA
Ministram aulas e ensinam práticas profisssionais em entidades de ensino profissionalizante;
esclarecem dúvidas de alunos; pesquisam e estudam produtos, técnicas de
produção e técnicas artesanais e artísticas para preparação de aulas e desenvolvimento
de cursos orientados para a comunidade. Acolhem e orientam alunos sobre postura
profissional, ética, cidadania e meio ambiente. Avaliam o desempenho dos alunos. Organizam
o ambiente de trabalho e executam atividades administrativas.

FORMAÇÃO E EXPERIÊNCIA
Essa ocupação requer o ensino fundamental completo. Vários docentes de cursos profissionalizantes
são “leigos” do ponto de vista da disciplina específica que lecionam,
tornando-se professores devido à sua experiência no exercício profissional e a diversos
cursos profissionalizantes que fizeram, inclusive o de preparação didático-pedagógica.
O exercício pleno das atividades ocorre após um a dois anos de experiência. Algumas
entidades de ensino tendem a contratar professores com maior nível de escolaridade,
para atender aos novos requisitos legais do mec.

CONDIÇÕES GERAIS DE EXERCÍCIO
Atuam na área de ensino profissionalizante, organizando-se de forma individual ou em
equipe. Alguns profissionais de entidades sociais desenvolvem atividades pedagógicas
e extra-curriculares com os alunos, onde a atuação do professor na comunidade é importante,
ressaltando o papel do professor como agente social. São empregados com
carteira assinada ou autônomos, podendo trabalhar com supervisão permanente ou
ocasional. Trabalham em ambientes fechados ou a céu aberto, em horário diurno ou
noturno. Podem ser expostos a materiais tóxicos e a ruído intenso.

Enfim, a questão agora é encontrar um que se encaixe "mais ou menos". Se tiver mais alguma opinão ou sugestão, ficarei grato.



Você precisa ser cadastrado para responder mensagens

Quem participa

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Receba Novidades


Receba Novidades

receba novidades sobre o site e o fórum de contabilidade em seu e-mail

POSTS RELACIONADOS

ACOMPANHE NOSSO PORTAL FACEBOOK

facebook.com/portalcontabeis

Prezados(as) senhores(as), o Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussoes dos usuários e visitantes deste site, tudo nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro. Página carregada em 0.95 segundos.

Site desenvolvido por
Julio Guimaraes | Rogério César