x

Trabalhista

O que é DCTFWEB?

A DCTF ou DCTF Mensal é uma sigla bem conhecida pelos profissionais que atuam na área contábil/fiscal, sendo uma obrigação acessória enviada mensalmente por várias pessoas jurídicas ativas. Mas e a DCTFWeb é diferente?

27/09/2019 09:05:07

12.350 acessos

O que é DCTFWEB?

A DCTF ou DCTF Mensal é uma sigla bem conhecida pelos profissionais que atuam na área contábil/fiscal, sendo uma obrigação acessória enviada mensalmente por várias pessoas jurídicas ativas.

Mas e a DCTFWeb é diferente?

A DCTFWeb foi instituída por meio da Instrução Normativa RFB nº 1.787/2018 e veio para substituir a GFIP (Guia de Recolhimento do FGTS e de Informações à Previdência Social), no ambiente do eSocial.

É uma declaração que busca relatar a Receita Federal as contribuições previdenciárias feitas a terceiros, além de consolidar as informações prestadas no eSocial e na EFD-Reinf.

O envio dela é mensal e deve ser feito até o 15º dia do mês seguinte ao de ocorrência dos fatos geradores, mas vale salientar que também existe a DCTFWeb anual e diária. Caso o prazo recaia em dia não útil, a entrega deverá ser antecipada.

Declaração Anual: prestam-se informações sobre os valores de 13º salário pagos aos seus trabalhadores, devendo ser transmitida até o dia 20 de dezembro. As informações contidas nela são oriundas apenas do eSocial;

Declaração Diária: são prestadas informações sobre a receita de eventos desportivos, dados somente da EFDREINF. Ela precisa ser transmitida no máximo até o segundo dia útil após o evento.

Quem deve entre enviar a DCTFWEB?

Pessoas Jurídicas de Direito Privado em geral e as equiparadas a empresa;

Unidades Gestoras de orçamento;

Consórcios;

Entidades de fiscalização do exercício profissional;

Fundos especiais dotados de personalidade jurídica sob a forma de autarquia;

Aqueles que forem obrigados a entrega do eSocial e/ou da EFDREINF.

DCTFWeb, eSocial e EFD-Reinf: tem relação?

A DCTFWeb tem fundamental importância: sem ela é impossível gerar o DARF (Documento de Arrecadação das Receitas Federais) com a consolidação das informações do eSocial e da EFDREINF.

Tanto o eSocial quanto a Reinf abrangem a Escrituração Digital. Enquanto no primeiro devem ser colocadas informações sobre créditos e débitos relacionados a folha de pagamento, na EFD-Reinf, os dados são sobre retenções que não se relacionam a folha. Exemplo: as retenções sobre serviços prestados e tomados por uma empresa na cessão de mão de obra.

Ambos os sistemas de escrituração são consolidados na DCTFWeb. Sendo assim, antes de transmiti-la, é preciso preencher o eSocial e a EFD-Reinf com suas respectivas informações. Depois, basta entrar no e-CAC para consolidar os dados e transmitir a DCTFWeb.

Qual o cronograma de entrega?

O cronograma está dividido em datas e grupos diferentes, segundo a IN RFB nº 1.787/2018 (e alterações).:

A partir de agosto de 2018, para entidades empresariais do Grupo 1 com faturamento acima de R$78 milhões de reais no ano-calendário de 2016;

A partir de abril de 2019, para entidades do Grupo 2 com faturamento em 2017 maior do que R$4.800.000,00;

Os demais sujeitos passivos não enquadrados nos casos de obrigatoriedade previstos acima aguardam definição dos prazos de entrega.

Tendo em vista estes prazos, é importante ficar de olho no preenchimento e transmissão desta declaração, pois a não-entrega deste documento também resulta em penalidades e multas, que são descritas no Capítulo VII da IN RFB nº 1.787/2018.

MATÉRIAS RELACIONADAS
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.