x

Contábil

ESG & práticas contábeis nos negócios: como a contabilidade contribuir para a gestão sustentável?

A contabilidade pode ser uma ferramenta poderosa para ajudar as empresas a incorporar práticas ESG em suas operações e contribuir para uma gestão sustentável.

06/06/2023 19:00:06

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
ESG & práticas contábeis nos negócios

ESG & práticas contábeis nos negócios: como a contabilidade contribuir para a gestão sustentável? Foto: PxHere

O Dia Mundial do Meio Ambiente é uma data celebrada anualmente em 5 de junho, desde 1974, com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente. Nesta data, são promovidas diversas ações e campanhas em todo o mundo para alertar sobre os impactos da degradação ambiental e incentivar a adoção de práticas sustentáveis.

Neste ano de 2023, quando se completa o 50º aniversário da designação do Dia Mundial do Meio Ambiente, a data ganha ainda mais relevância diante dos desafios que o planeta enfrenta em relação às mudanças climáticas, à poluição e à perda de biodiversidade. E, mais do que nunca, é necessário que empresas e organizações se engajem na adoção de medidas sustentáveis em suas operações e práticas de negócio.

Nesse sentido, a incorporação de práticas contábeis sustentáveis, conhecidas como ESG (Environmental, Social and Governance, ou Ambiental, Social e de Governança, em português), surge como uma estratégia fundamental para promover uma gestão empresarial mais responsável e consciente. A contabilidade pode contribuir para a identificação e mensuração dos impactos ambientais e sociais das atividades empresariais, bem como para a avaliação do desempenho em relação aos critérios ESG.

Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 5 de junho e foi criado em 1972 pela Assembleia Geral das Nações Unidas para conscientizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente e incentivar ações para proteger o planeta.

A importância do Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente é uma data importante para lembrar a todos que a natureza é um bem precioso e que precisa ser cuidada. A cada ano, a ONU escolhe um tema para a data, com o objetivo de sensibilizar a população sobre um problema ambiental específico. Em 2023, o tema se concentra em soluções para a poluição plástica com o mote #CombataAPoluiçãoPlástica.

O plástico é feito de polímeros derivado do petróleo que é uma fonte não renovável de energia e não são facilmente quebrados por organismos decompositores. De acordo com estudos, o plástico pode levar até 450 anos para se decompor completamente. A poluição plástica é um problema ambiental sério e urgente que afeta os ecossistemas terrestres e aquáticos em todo o mundo.

O problema do plástico na natureza é um desafio global que requer ação imediata. É importante que as pessoas estejam cientes do impacto ambiental do plástico e tomem medidas para reduzir o uso de plástico descartável. A conscientização sobre o tempo que o plástico leva para se decompor é um passo importante para mudar nossos hábitos e proteger o meio ambiente.

Segundo dados da ONU, mais de 400 milhões de toneladas de plástico são produzidas todos os anos, metade das quais é projetada para ser usada apenas uma vez. Desse total, menos de 10% é reciclado. Estima-se que de 19 a 23 milhões de toneladas acabem em lagos, rios e mares. Atualmente, o plástico entope nossos aterros sanitários, vaza para o oceano e é transformado em fumaça tóxica, o que o torna uma das maiores ameaças ao planeta.

Ações para preservação do meio ambiente

Existem várias ações que podem ser tomadas para preservar o meio ambiente e contribuir para um mundo mais sustentável. Algumas delas são:

  • Reduzir o consumo de energia elétrica, água e papel;
  • Reciclar materiais como plástico, papel, metal e vidro;
  • Utilizar transporte público, bicicleta ou caminhar em vez de carro;
  • Plantar árvores e cuidar da vegetação local;
  • Participar de campanhas de limpeza de rios, praias e parques;
  • Consumir produtos orgânicos e de empresas sustentáveis;
  • Evitar o desperdício de alimentos e de recursos naturais.

Essas ações são simples, mas podem fazer uma grande diferença para o meio ambiente. É importante que todos se conscientizem da importância de preservar o planeta e adotem práticas sustentáveis em seu dia a dia.

ESG: Incorporando Práticas Contábeis nos Negócios

O que é ESG?

ESG é um acrônimo para Environmental, Social e Governance, em português, Ambiental, Social e Governança. Esses três fatores são considerados importantes para avaliar a sustentabilidade de uma empresa e seu impacto na sociedade e no meio ambiente.

E - Ambiental

O "E" refere-se ao meio ambiente e às práticas ambientais da empresa. Isso inclui a gestão de resíduos, a eficiência energética, a redução de emissões de gases do efeito estufa, a conservação da biodiversidade e o uso sustentável dos recursos naturais. As empresas que levam a sério o ESG geralmente implementam políticas ambientais rigorosas para minimizar seu impacto no meio ambiente.

S - Social

O "S" refere-se às práticas sociais da empresa. Isso inclui a igualdade de oportunidades, a diversidade e inclusão, a segurança no trabalho, a ética nos negócios e o respeito aos direitos humanos. As empresas que se preocupam com o ESG geralmente implementam políticas sociais para garantir que seus funcionários sejam tratados de forma justa e que a empresa tenha um impacto positivo na sociedade.

G - Governança

O "G" refere-se à governança corporativa da empresa. Isso inclui a estrutura de governança, a transparência, a prestação de contas e a ética nos negócios. As empresas que levam a sério o ESG geralmente têm uma estrutura de governança sólida e transparente, com políticas claras para prevenir a corrupção e outras práticas antiéticas.

Essas práticas são cada vez mais valorizadas pelos investidores e pelos consumidores, que buscam empresas que se preocupam com o meio ambiente, com a sociedade e com a transparência empresarial.

A importância do ESG para os negócios

A adoção de práticas ESG é fundamental para a sustentabilidade dos negócios a longo prazo. Empresas que incorporam essas práticas em suas operações são mais resilientes a riscos ambientais, sociais e de governança, além de estarem mais alinhadas com as expectativas dos consumidores e dos investidores.

Além disso, a adoção de práticas ESG pode trazer benefícios financeiros para as empresas, como a redução de custos operacionais e a melhoria da reputação da marca, o que pode resultar em um aumento nas vendas e na fidelidade dos clientes.

Como a contabilidade pode contribuir para uma gestão sustentável?

A contabilidade desempenha um papel fundamental na incorporação de práticas ESG nos negócios. Ela pode ajudar as empresas a medir e monitorar seu desempenho ambiental, social e de governança, além de fornecer informações valiosas para a tomada de decisões estratégicas.

A contabilidade pode ser usada para medir e monitorar indicadores ESG, como a emissão de gases de efeito estufa, a gestão de resíduos, a diversidade e inclusão no local de trabalho, entre outros. Essas informações podem ser usadas para identificar áreas de melhoria e implementar ações para reduzir os impactos negativos das atividades da empresa no meio ambiente e na sociedade.

Além disso, a contabilidade pode ajudar as empresas a comunicar seus esforços de sustentabilidade de forma transparente e eficaz aos seus stakeholders, o que pode melhorar a reputação da marca e aumentar a confiança dos investidores e dos consumidores.

Em resumo, a contabilidade pode ser uma ferramenta poderosa para ajudar as empresas a incorporar práticas ESG em suas operações e contribuir para uma gestão sustentável.

Leia mais sobre

O artigo enviado pelo autor, devidamente assinado, não reflete, necessariamente, a opinião institucional do Portal Contábeis.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.