x
2020-03-23T08:54:41-03:00

FÓRUM CONTÁBEIS

DEPARTAMENTO PESSOAL E RH

respostas 232

acessos 131.163

TABELA AUXILIAR 03/2020 SEFIP

há 9 semanas Quinta-Feira | 26 março 2020 | 18:16

Mais um dia sem versão nova de SEFIP, sem tabela, só trabalho acumulando e nossa saude física e mental indo para o ralo.
Abandonar o barco não é opção por que temos familia para sustentar, mais olha, tem hora que da vontade.

há 9 semanas Quinta-Feira | 26 março 2020 | 19:37

Também, estou no aguardo, gente, e pior ainda, saiu MP 927/2020, e só,  falam no parcelamento do FGTS, mais, não falam nada sobre o novo sistema, da Conectividade, e nem mesmo sobre, o novo auxiliar, do INSS, ainda nada.

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 08:26

É galera, pelo jeito só dia 31/03 mesmo. E a gente que se vire pra enviar tudo a tempo. 
Postaram esse comunicado em outro tópico aqui do fórum:

A CAIXA informa que as adequações do programa SEFIP e da Tabela Auxiliar do INSS 03/2020, para atendimento ao disposto na Portaria SEPRT n° 3659, de 10 de fevereiro de 2020, serão concluídas até o dia 31/03/2020.
Os ajustes permitirão a prestação das informações e geração dos cálculos previdenciários progressivos, com a aplicação das novas faixas de incidência à tabela de salários de contribuição e a aplicação das novas alíquotas, atendendo grande parte dos empregadores.
A prestação das informações da competência 03/2020 e seguintes devem ser realizadas por meio do SEFIP atualizado e da Tabela Auxiliar do INSS 03/2020, para que as informações sejam corretamente prestadas, evitando-se a necessidade de retificações futuras.
Os empregadores que possuem trabalhadores que prestam serviço a mais de um tomador no movimento nos códigos 150 ou 155, deverão declarar esses trabalhadores na forma abaixo:
a) Preencher o campo "Ocorrência" com a indicação do código “05” na tela de cadastro para possibilitar a abertura do campo Contribuição Descontada do Segurado;
b) Preencher o campo Contribuição Descontada do Segurado com o valor da contribuição devida pelo trabalhador, relativa ao respectivo tomador, calculada de forma progressiva e respeitando-se a tabela de salários de contribuição para a Previdência Social.
Destacamos abaixo as principais orientações quanto aos dispostos na MP n° 927, de 22 de março de 2020, que versa sobre a suspensão da exigibilidade de recolhimento de FGTS das competências março, abril e maio de 2020, regulamentada pela Circular CAIXA n° 893, de 24 de março de 2020:
a) A Medida Provisória 927/2020 concedeu ao empregador a possibilidade de suspender o recolhimento do FGTS das competências de março, abril e maio de 2020, com vencimento em abril, maio e junho de 2020, respectivamente.
b) Os empregadores que quiserem suspender o recolhimento do FGTS das competências de março, abril e maio de 2020, sem a cobrança de multa e encargos, devem declarar as informações dos trabalhadores via SEFIP, utilizando obrigatoriamente a Modalidade “1”, até o dia 07 de cada mês.
c) O empregador que perder o prazo para declaração das competências terá o prazo limite de 20/06/2020 para encaminhar as informações via SEFIP.
d) Os Certificados de Regularidade do FGTS – CRF vigentes em 22/03/2020 ficam prorrogados auto-maticamente por 90 dias.
e) A suspensão do recolhimento de que trata a MP 927/20 não impede a emissão do CRF.
f) Os empregadores com contrato de parcelamento em curso que tenham parcelas a vencer nos meses de março, abril e maio de 2020, não terão impedimento ao CRF no caso de inadimplemento destas parcelas.
g) O recolhimento das competências suspensas será dividido em 6 parcelas. A primeira parcela vence em 07 de julho de 2020 e a CAIXA divulgará oportunamente as orientações quanto ao parcelamento.
h) Caso ocorra a rescisão do contrato de trabalho, o empregador está obrigado ao recolhimento das verbas rescisórias, se devidas, e o valor total das competências suspensas no prazo de 10 dias após a rescisão.
i) Se a rescisão ocorrer durante o pagamento do parcelamento das competências suspensas, as parcelas vincendas devem ser antecipadas e pagas no mesmo prazo de pagamento da rescisão.
j) Caso algum desses valores não seja pago no referido prazo, sobre eles incidirão multa e juros conforme a Lei nº 8.036/90.

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 08:38

Olá pessoal, bom dia a todos!
Acabei de ligar na Caixa, falei com o atendente Matheus, e a posição da Caixa, lamentavelmente é de que não há previsão da liberação da tabela do INSS e também da nova versão do Sefip.

Eu falei sobre a situação a que estamos todos passando, sem saber o que fazer com o fechamento das folhas de pagamento, e o atendente disse que devemos aguardar. Questionei também se haverá um novo prazo para entrega da Sefip, e ele não sabe informar.
Minha sugestão aqui é a seguinte: Precisamos nos documentar. Anotei o dia (27/03/2020) e a hora que liguei (8h27); que juntando a todos os relatos aqui, estamos documentados de que estamos à deriva, sem termos ferramentas para trabalhar. Caso ocorra alfuma multa, teremos prova de que a culpa não é nossa. Vou fechar as folhas de pagamento pelo programa com que trabalho no escritorio, as tabelas do INSS do programa já estão atualizadas, vou emitir as guas e enviar aos clientes. O resto fica pra depois. É a minha melhor opção que vejo diante do problema.
Abraço

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 09:00

Colegas, veja a informação da caixa através do conectividade social:
Senhor Empregador 
 
A CAIXA informa que as adequações do programa SEFIP e da Tabela Auxiliar do INSS 03/2020, para atendimento ao disposto na Portaria SEPRT n 3659, de 10 de fevereiro de 2020, serão concluídas até o dia 31/03/2020. 
  
Os ajustes permitirão a prestação das informações e geração dos cálculos previdenciários progressivos, com a aplicação das novas faixas de incidência à tabela de salários de contribuição e a aplicação das novas alíquotas, atendendo grande parte dos empregadores. 
  
A prestação das informações da competência 03/2020 e seguintes deve ser realizada por meio do SEFIP atualizado e da Tabela Auxiliar do INSS 03/2020, para que as informações sejam corretamente prestadas, evitando-se a necessidade de retificações futuras. 

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 09:11

Bom Dia Pessoal

Resta fechar a folha mandar os recibos e esperar a tabela ser publicada para enviar posteriormente as guias.
Triste mesmo.... creio que é mais que um descaso... e incompetência mesmo!

Alan Herbert
Alfa Consult Assessoria
há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 09:20

Bom Dia!

Aqui no escritório estamos procedendo da mesma maneira, calculando as folhas e enviando os relatórios para programação de pagamento, FGTS e a GPS enviaremos após a disponibilização das ferramentas por parte da CEF e Receita Federal.
E nos resta pedir para Deus ter compaixão de nós.

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 10:29

Na última semana, a Receita Federal publicou nota informando que a tabela Auxiliar do INSS 03/2020 está em adequação. Confira na íntegra:
“Informamos que a tabela Auxiliar do INSS 03/2020 encontra-se em adequação para atendimento aos dispostos na Portaria SEPRT no 3.659, de 10 de fevereiro de 2020, com a implementação de novas faixas de incidencia na tabela de salário de contribuição e aplicação de novas alíquotas.
O programa SEFIP também passa por adequações para permitir a aplicação da nova Tabela Auxiliar, e a geração dos cálculos previdenciário de forma progressiva.
A prestação das informações a partir da competência 03/2020 deverão ser realizadas por meio da nova versão do SEFIP e da Tabela Auxiliar do INSS, a serem disponibilizados no site CAIXA e da Receita Federal, ainda neste mês.

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 10:40

Bom dia caros colegas!

A Caixa divulgou uma mensagem sobre a tabela Auxiliar do INSS 03/2020 e outras providências:

FGTS Informe ao Empregador
 
Senhor Empregador
 
A CAIXA informa que as adequações do programa SEFIP e da Tabela Auxiliar do INSS
03/2020, para atendimento ao disposto na Portaria SEPRT n° 3659, de 10 de fevereiro
de 2020, serão concluídas até o dia 31/03/2020.
Os ajustes permitirão a prestação das informações e geração dos cálculos previdenciários
progressivos, com a aplicação das novas faixas de incidência à tabela de
salários de contribuição e a aplicação das novas alíquotas, atendendo grande
parte dos empregadores.
A prestação das informações da competência 03/2020 e seguintes deve ser realizada por meio
do SEFIP atualizado e da Tabela Auxiliar do INSS 03/2020, para que as
informações sejam corretamente prestadas, evitando-se a necessidade de
retificações futuras.
Os empregadores que possuem trabalhadores que prestam serviço a mais de um tomador
no movimento nos códigos 150 ou 155, deverão declarar esses trabalhadores na
forma abaixo:
a)   Preencher o campo Ocorrência com a indicação do código 05 na tela de cadastro para
possibilitar a abertura do campo Contribuição Descontada do Segurado;
b)   Preencher o campo Contribuição Descontada do Segurado com o valor da contribuição devida pelo trabalhador, relativa ao respectivo tomador, calculada
de forma progressiva e respeitando-se a tabela de salários de contribuição para
a Previdência Social;
 
Destacamos abaixo as principais orientações quanto ao disposto na MP n 927, de 22 de março
de 2020, que versa sobre a suspensão da exigibilidade de recolhimento de FGTS
das competências março, abril e maio de 2020, regulamentada pela Circular CAIXA
n 893, de 24 de março de 2020:
a)   A Medida Provisória 927/2020 concedeu ao empregador a possibilidade de suspender
o recolhimento do FGTS das competências de março, abril e maio de 2020, com
vencimento em abril, maio e junho de 2020, respectivamente.
b)   Os empregadores que quiserem suspender o recolhimento do FGTS das competências de
março, abril e maio de 2020, sem a cobrança de multa e encargos, devem declarar
as informações dos trabalhadores via SEFIP, utilizando obrigatoriamente a
Modalidade 1, até o dia 07 de cada mês.
c)   O empregador que perder o prazo para declaração das competências terá o prazo
limite de 20/06/2020 para encaminhar as informações via SEFIP.
d)   Os Certificados de Regularidade do FGTS – CRF vigentes em 22/03/2020 ficam
prorrogados automaticamente por 90 dias.
e)   A suspensão do recolhimento de que trata a MP 927/20 não impede a emissão do CRF.
f)    Os empregadores com contrato de parcelamento em curso que tenham parcelas a vencer
nos meses de março, abril e maio de 2020, não terão impedimento ao CRF no caso
de inadimplemento destas parcelas.
g)   O recolhimento das competências suspensas será dividido em 6 parcelas. A primeira
parcela vence em 07 de julho de 2020 e a CAIXA divulgará oportunamente as
orientações quanto ao parcelamento.
h)   Caso ocorra a rescisão do contrato de trabalho, o empregador está obrigado ao
recolhimento das verbas rescisórias, se devidas, e o valor total das
competências suspensas no prazo de 10 dias após a rescisão.
i)     Se a rescisão ocorrer durante o pagamento do parcelamento das competências
suspensas, as parcelas vincendas devem ser antecipadas e pagas no mesmo prazo
de pagamento da rescisão.
j)     Caso algum desses valores não seja pago no referido prazo, sobre eles incidirão
multa e juros conforme a Lei n 8.036/90.
 
Caixa Econômica Federal
 
Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil

Freitas
Contador Diretor
http://www.freitascontabilidade.com.br
e-mail: ejdfreitas@gmail.com
Skype: freitas-fc
Fone: 92.3082-1595
Cel. 92.9.9991-0151oi (WhatsApp)
há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 11:15

Bom Dia colegas!

Cada dia mais indignada com o descaso que estamos passando com essas situações, praticamento só nós contadores estamos trabalhando em meio a tudo isso que vem acontecendo.
Referente as guias de FGTS vou enviar todas as empresas que tem recolhimento na modalidade 0- Recolhimento ao FGTS e Declaração à Previdência, gerar as guias e entregar as empresas, caso alguma não quiser pagar e aderir ao parcelamento temos até 20/06 para enviar uma nova GFIP aderindo ao parcelamento. A maioria dos meus clientes irão fazer o pagamento em dia, pois querendo ou não prorrogar 3 meses vai gerando cada vez mais uma bola de neve.

Alguém mais irá fazer dessa maneira ou estou enganada fazendo assim? Por favor vamos nos ajudar dando opniões.

há 9 semanas Sexta-Feira | 27 março 2020 | 11:27

Oi Ana, 
Pretendo enviar as GFIP quando sair a Tabela Auxiliar e a nova versão da SEFIP, antes não tem como. Resta esperar sair a atualização dia 31/03, estou fechando a folha no meu sistema e gerando as GPS pois essa não teve alteração e depois emito as guias do FGTS.

De que forma irá fazer referente ao FGTS?

Página 4 de 8
RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.