x

FÓRUM CONTÁBEIS

DEPARTAMENTO PESSOAL E RH

respostas 7

acessos 152

CANCELAMENTO DE MOVIMENTAÇÃO

Souza

Bronze DIVISÃO 4, Auxiliar Depto. Pessoal
há 17 semanas Quarta-Feira | 13 janeiro 2021 | 11:43

Bom dia, foi feita a movimentação de um colaborador de forma incorreta, porém o colaborador fez o saque de FGTS referente a essa movimentação, gostaria de saber o que devo fazer. Já que o cancelamento pelo email da caixa é feito apenas para saques nao efetivados. se eu fizer uma RDT solicitando a devolução desses valores, quem irá fazer a devoluçao? o próprio colaborador? alguem me explica como funciona. por gentileza

Jose Alves

Prata DIVISÃO 5, Contador(a)
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 02:20

Ei, Usuário!

Se você tem qualquer dúvida, não deixe para corrigir depois, pois pode ser tarde, como está sendo agora!
"Se a empresa pune quem erra, todos ficam com medo de arriscar, e a empresa para de inovar, ou pior, as pessoas escondem a falha e, lá na frente, pode ser tarde demais para consertá-la."
Conclusão: Deve levar ao conhecimento do seu superior e aguardar as consequências.

Souza

Bronze DIVISÃO 4, Auxiliar Depto. Pessoal
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 10:49

Ei, Jose Alves!
Não entendi sua contribuição ''Se você tem qualquer dúvida, não deixe para corrigir depois, pois pode ser tarde, como está sendo agora!'' Pois o questionamento era sobre cancelamento de movimentação. Se você puder ajudar eu agradeço.

obs.: o questionamento foi criado com o conhecimento da empresa e dos responsáveis, enquanto aguardamos o retorno da CAIXA. obrigada :)

Roberth Melo

Prata DIVISÃO 3, Gestor(a)
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 11:08

Usuário, bom dia!
Em teoria, a devolução deve ser feita pelo colaborador que sacou, porém, acho pouco provável que isso aconteça. Por qual motivo quer cancelar a movimentação? Rescisão cancelada?

Roberth Melo
Especialista em Administração de Pessoas

Souza

Bronze DIVISÃO 4, Auxiliar Depto. Pessoal
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 11:17

Roberth Melo, bom dia, isso mesmo a rescisão foi cancelada. Estamos aguardando o retorno da CAIXA, sobre o que devemos fazer, porém ainda não obtive respostas 

Roberth Melo

Prata DIVISÃO 3, Gestor(a)
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 11:32

Convoque o colaborador e o oriente a realizar a devolução do FGTS. Se ele falar que gastou e não tem, faça um termo e desconte das verbas dele de forma parcelada e a empresa faz a devolução para a Caixa. Dependendo da situação (estou julgando, pois não estou ai rsrs) pode ter sido até uma ação de má-fé, mas vale a sua avaliação. Se ele resistir em não querer aceitar os descontos, acredito que o Empregador deva arcar com os custos integralmente, já que provavelmente ele quem decidiu cancelar a rescisão.

Roberth Melo
Especialista em Administração de Pessoas

Souza

Bronze DIVISÃO 4, Auxiliar Depto. Pessoal
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 11:44

Roberth Melo, Obrigada pela ajuda! Eu já imaginava que a solução seria dessa forma, mas como a CAIXA não nos dar um retorno em um tempo ''hábil'' ficamos a mercê, nesse caso fica até complicado de tirar conclusões, pois quando contatamos o colaborador, ele nos informou que não sabia do que se tratava mas mesmo assim realizou o saque rrsrs  prestamos serviços terceirizados, e então o estabelecimento onde ele presta serviço pediu o cancelamento da rescisão um dia antes da data prevista para o desligamento. aí complica mais ainda. Mas de qualquer forma sigo esperando a CAIXA, antes de tomar qualquer medida. Obrigada pela luz!!

Thais Reis Souza

Bronze DIVISÃO 5, Assistente Contabilidade
há 17 semanas Sexta-Feira | 15 janeiro 2021 | 15:29

Boa tarde, estou na mesma situação. Fui na Caixa e a atendente me disse que o funcionário deve ir na caixa, solicitar a guia de devolução  pagar direto no caixa eletronico. Depois que ele fizer isso você pede o cancelamento da chave de movimentação.

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.