2019-07-18T08:06:13-03:00
x

FÓRUM CONTÁBEIS

TECNOLOGIA CONTÁBIL

respostas 13

acessos 52.397

MDFe - 225 rejeição falha no schema xml do mdf-e

há 27 semanas Quinta-Feira | 18 julho 2019 | 08:06

Bom dia?

Alguém aqui esta tentando transmitir MDFe e esta voltando com o erro: 225 rejeição falha no schema xml do mdf-e

Ja segui essas orientações, mas infelizmente não obtive sucesso

A rejeição Falha no Schema XML do MDF-e é gerada por vários motivos, e alguns deles são:
Quando são informados caracteres inválidos como !@#$%, por exemplo;
Quando a versão do documento é diferente da versão esperada pela SEFAZ.
Ou ainda, deixar em branco os campos que são de preenchimento obrigatório.

Será que o programa emissor gratuito acabou de vez?

Como resolver esse problema?

Onde eu atualizo esse Schema?

há 27 semanas Quinta-Feira | 18 julho 2019 | 09:25

Bom dia Marcos...

parece que o gratuito não está funcionando mesmo...

Estou vendendo um emissor de MDFe... caso tenha interesse me chama no privado... 

há 27 semanas Quinta-Feira | 18 julho 2019 | 17:13

Email recebido da SEFAZ aqui...

Conforme notícia publicada no portal do Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e) da SEFAZ/MS no dia 05 de setembro de 2018 disponível no seguinte endereço, o aplicativo emissor disponibilizado gratuitamente pela SEFAZ/SP foi descontinuado no dia 01/10/2018, ou seja, a partir dessa data o emissor da SEFAZ/SP não seria mais atualizado para nenhuma nova versão do MDF-e.
A partir do dia 15/07/2019 foi implementada a versão 3.0a do Manual de Orientação do Contribuinte (MOC) do MDF-e.
Com a implementação da nova versão do MOC do MDF-e, o contribuinte que faz a emissão via aplicativo emissor da SEFAZ/SP não consegue emitir MDF-e, incorrendo na rejeição “falha no Schema XML”.
Importante destacar que é de inteira responsabilidade do contribuinte a gestão sobre seu processo de emissão de MDF-e, decidindo a forma como será gerada a informação a ser disponibilizada ao Fisco, seja por meio da aquisição de soluções disponíveis no mercado ou através do desenvolvimento de soluções pelo próprio contribuinte, não cabendo à Secretaria de Fazenda, nenhuma responsabilidade quanto à disponibilização de qualquer aplicação ao mercado.
Sendo assim, os usuários devem buscar outras soluções disponíveis no mercado ou o desenvolvimento próprio do aplicativo emissor.
Atualmente, existem diversas soluções para emissão de MDF-e disponíveis no mercado, sendo elas disponibilizadas de forma gratuita ou onerosa por empresas ou entidades. Em relação ao saneamento de eventuais problemas e dúvidas referente ao software emissor adquirido, deve-se contatar a empresa ou entidade responsável pela disponibilização.
• Importante ressaltar que o SEBRAE NÃO disponibilizará aplicativo emissor do MDF-e.

Secretaria de Estado de Fazenda de Mato Grosso do Sul
Equipe MDF-e

há 27 semanas Segunda-Feira | 22 julho 2019 | 17:10

Boa tarde!

Aqui estou com o mesmo problema com um cliente desde sexta dia 19/7.

 225 - Rejeição: Falha no Schema XML do MDF-e .

Alguém conseguiu transmitir ou realmente saiu do ar?

há 26 semanas Quinta-Feira | 25 julho 2019 | 11:48

Bom dia.

Alguém sabe quando o SEBRAE irá disponibilizar uma versão atualizada do EMISSOR CTE com essas novas regras de validação no Manual 3.0a?

Visto que o Comprovante de entrega eletrônico entrará em vigor 01/09/19 e o QR Code em Outubro/19.

há 26 semanas Quinta-Feira | 25 julho 2019 | 13:38

Marcos Antonio,
tentei contato com o Sebrae via telefone e e-mail mas sem sucesso, ambos falaram que não possuem
essas informações técnicas relacionadas ao emissor.

há 26 semanas Sexta-Feira | 26 julho 2019 | 09:38


Não espere o emissor do Sefaz ficar fora do ar. Faça um teste gratuito agora mesmo. Emita MDF-e, CT-e, CTe-OS e o controle financeiro do seu negócio. Teste gratuitamente. Suporte Online. Fácil e Prático. Programas: Até 5 notas grátis/mês, Emita suas notas fiscais, Sistema simples e prático

[url=https://ofertas.otimizy.com.br/emitacte-teste-gratis-cadastro]https://ofertas.otimizy.com.br/emitacte-teste-gratis-cadastro

Contato (54) 3462-5522

[/url]Alguém aqui ja testou esse site pra ver se realmente funciona de graça até 5 notas por mes ?

há 19 semanas Quinta-Feira | 12 setembro 2019 | 08:43

Com tantas mudanças, está praticamente impossível usar um emissor gratuito.
Além de tudo, os que existiam não estão sendo mais atualizados...
Mas, já existe um emissor que gera CTe e MDFe em segundos, praticamente no automático: o SimplesCTe.
Tem preenchimento automático de CFOP, averbação automática, painel do contador, etc...
Ainda tem um programa de parceria para contadores
Vale à pena conhecer.

Analista de mkt do Simples CTe
Emita CTe em "segundos" e praticamente no automático, sem instalar nada no computador. 
Painel de Acesso Diferenciado + Programa Especial de Parceria para Contadores. 
há 13 semanas Quinta-Feira | 24 outubro 2019 | 08:12

Bom dia, Adriana e colegas do Contábeis.com... alguém pode indicar algum emissor MDF-e?

RUBENS PEREIRA DA SILVA FILHO - Contador
há 6 semanas Sexta-Feira | 13 dezembro 2019 | 16:57

Boa tarde,

O Emissor de MDFe Sygma não é gratuito, mas você pode experimenta-lo por 15 dias sem custo, e oferece suporte técnico com plantão 24 horas para emergência, inclusive em finais de semana e feriados.

Ele emite MDFe para Produtor Rural (pessoa física com CPF) e também para empresa (pessoa jurídica CNPJ) . A grande vantagem é que você não precisa digitar todos os dados do MDFe pois ele importa as informações principais do XML ou da chave de acesso da Nota Fiscal Eletrônica (NFe) ou do Conhecimento de Transporte. 

A Sygma criou um artigo com todos os detalhes sobre o MDFe. Confira:
O que é MDFe e como emitir MDFe para Produtor Rural e Empresa

Atenciosamente,

Juliano Marçal
Analista de Sistemas
Sygma Sistemas e Consultoria

'Se quer ir rápido, vá sozinho. Se quer ir longe, vá em grupo"



RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.