x
CONTEÚDO notícias

Empresas

Planejamento Financeiro: 70% das PME's dizem não ter se preparado para crise

Levantamento mostra que 60% das PME’s acreditam que a pandemia do Covid-19 vai impactar em mais de 50% no faturamento de seu negócio.

27/04/2020 17:45:01

5,6 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Planejamento Financeiro: 70% das PME's dizem não ter se preparado para crise

Um levantamento realizado com empreendedores pela Intuit Quickbooks, empresa de tecnologia que oferece software de gestão para PME’s e contadores, revelou que mais de 70% das PME’s não têm planejamento financeiro previsto para períodos de crise, e 60% dos entrevistados acreditam que a pandemia do Covid-19 vai impactar em mais de 50% o faturamento de seu negócio.

“Em média, metade das PMEs brasileiras fecham as portas antes de completarem cinco anos por problemas relacionados com fluxo de caixa. Um cenário de crise, como o que estamos vivendo, agrava essa situação”, diz Lars Leber, Country Manager da Intuit Quickbooks. “A tomada de decisão baseada em dados e uma boa gestão financeira são premissas para que um negócio prospere no Brasil”, conta.

O levantamento mostrou também que 70% das pessoas que responderam a pesquisa acreditam que o Covid-19 representa alto risco para seus negócios, e 20% deles diz que a pandemia tem impacto de médio risco. Cerca de 60% diz não estar preparado para enfrentar um período de crise, enquanto 25% diz que talvez esteja. Ao serem questionados sobre seu nível de confiança em relação ao planejamento de fluxo de caixa para que a crise não afete o seu negócio, 50% dizem ser baixo, e 40% estão com a confiança mediana.

Queda na receita

A maioria dos entrevistados, cerca de 40%, acredita que a queda na receita será o principal impacto do negócio com o Covid-19. O segundo ponto a ter mais reflexo negativo é a queda no volume de consumidores (20%), seguida de problemas com fluxo de caixa (18%) e perda de novos negócios (15%). Entre os principais sentimentos descritos por eles perante à pandemia estão “insegurança”, “apreensão” e “tristeza”.

O levantamento foi respondido por cerca de 400 gestores de PME's com faturamento anual de até R$ 81 mil (42%), entre R$ 81 mil e R$ 360 mil (29%), entre R$ 360 mil a R$ 4.8 milhões (27%) e acima de R$ 4.8 milhões (2%). Sobre o tipo de negócio: 59% das empresas que responderam a pesquisa oferecem serviços, seguido de comércio (17%), serviço e comércio (9%), Outros (10%) e Indústria (5%).

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.