x
CONTEÚDO notícias

Flexibilização

SP: Escritórios contábeis podem voltar a funcionar a partir de 1º de junho

Seguindo as orientações do Plano São Paulo divulgado pelo Governo, o Sescon/SP mobiliza diretores regionais para a reabertura de escritórios contábeis já na segunda-feira.

29/05/2020 09:15:07

25,2 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

SP: Escritórios contábeis podem voltar a funcionar a partir de 1º de junho

Levando em consideração que junho é um mês atípico para os escritórios contábeis devido ao aumento da demanda pela entrega da Declaração do Imposto de Renda, o Sescon/SP está mobilizando todos os diretores regionais para a reabertura das organizações.

Para que os profissionais de contabilidade tenham tempo hábil para o processamento e entrega da declaração do Imposto de Renda, o Sescon/Sp solicita a liberação de escritórios contábeis a partir de segunda-feira, 01 de junho, de acordo com o plano do Governo do Estado.

Vale lembrar que o Governador e o Vice-Governador de São Paulo já haviam permitido que escritórios contábeis voltassem a funcionar a partir do início de junho.

Plano São Paulo

Na última quarta-feira, o Governo apresentou o plano de reabertura das atividades no Estado de São Paulo, onde a partir de 1º de junho algumas cidades poderão começar adotar um plano de retorno das atividades, em parte ou na sua plenitude.

O plano prevê cinco etapas, que serão divididas por critérios definidos pela secretaria estadual da Saúde e pelo Comitê de Contingência para Coronavírus. São elas:

- Fase 1 (vermelha): alerta máximo, funcionamento permitido somente aos serviços essenciais;
- Fase 2 (laranja): controle, possibilidade de aberturas com restrições;
- Fase 3 (amarela): abertura de um número maior de setores;
- Fase 4 (verde): abertura de um número maior de setores em relação à fase 3;
- Fase 5 (azul): “normal controlado”; todos os setores em funcionamento, mas mantendo medidas de distanciamento e higiene.

Cidades do interior como São José do Rio Preto, Araçatuba, Marília, Sorocaba, Taubaté, Campinas, Piracicaba, São João da Boa Vista, Araraquara, São Carlos, Ribeirão Preto e Franca estão na fase 2 do Plano São Paulo que permite abertura com restrições.

Já Barretos, Presidente Prudente, Bauru, São João da Boa Vista e Araraquara já estão na terceira fase do Plano São Paulo, com possibilidade de abertura de um número maior de setores.

De acordo com o Plano São Paulo, ambas já poderiam começar a retomar as atividades aos poucos.

Por outro lado, o município de São Paulo, a Grande São Paulo e a Baixada Santista ainda estão em alerta vermelho. Portanto, devem ter que esperar mais çara a reabertura.

Reabertura escritórios contábeis

Contudo, o Prefeito Bruno Covas já manifestou que para retomada da atividade será necessário o aval da vigilância sanitária do município e que deverá firmado um acordo de entendimento entre prefeitura e entidade representativa do setor.

O Sescon/SP informou por meio de nota que já mobilizou os diretores regionais para realizar essas ações nos municípios já autorizados para funcionamento.

Saiba mais:
Fim da Quarentena: Confira as regiões que começam a retomar suas atividades

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.