x
CONTEÚDO notícias

Pix

Jogos de loteria podem ser pagos com o Pix

Possibilidade vale para os jogos da Mega-Sena, de loteria esportiva e afins, nas casas lotéricas que se prepararem para receber o Pix.

22/11/2020 10:00:01

1,9 mil acessos

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp

Jogos de loteria podem ser pagos com o Pix

Jogos de loteria como a Mega-Sena poderão ser pagos com o Pix. A possibilidade foi anunciada pelo Banco Central (BC), porém requer a adaptação das casas lotéricas ao sistema de pagamentos instantâneos.

"A partir de agora, sempre que o cliente quiser pagar um jogo lotérico, ele terá o Pix como opção de pagamento para jogos da Sena, de loteria esportiva e afins", anunciou o Banco Central nesta quinta-feira (19/11).

O BC disse que incluiu as contas das lotéricas na lista de contas habilitadas a receber pagamentos instantâneos porque o mercado pediu a integração das casas lotéricas ao Pix. Porém, lembrou que, para se valer desta facilidade, cada loteria precisa se preparar para receber um Pix.

Além da parceria com as lotéricas, o Banco Central fez convênios com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e com o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para permitir o pagamento das contas de luz e o recolhimento do FGTS via Pix.

O BC também tem um convênio com Tesouro Nacional para que as taxas, as contribuições e as multas devidas ao governo, que hoje são pagos por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU), também sejam aceitas no Pix.

Funcionalidades

Segundo o Tesouro, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e a Secretaria de Pesca e Aquicultura do Ministério da Agricultura já estão aptos a receber os pagamentos instantâneos. Já os demais órgão estão em fase de desenvolvimento. A expectativa é que, quando esse processo for concluído, desde as taxas de emissão de passaportes e inscrições de concursos até as multas eleitorais e de trânsito possam ser pagas via Pix.

Para o Banco Central, "as novas funcionalidades do Pix mostram o caráter multipropósito do meio de pagamento". "Isso significa que ele deve ser capaz de acomodar todos os tipos de transação de varejo, envolvendo pessoas, empresas e governo", comentou.

Ainda de acordo com a autoridade monetária, mais de R$ 1 bilhão já tem sido movimentado diariamente pelo Pix, que entrou em operação plena no Brasil na segunda-feira (16/11). Só na quarta-feira, o sistema de pagamentos instantâneos registrou 1,8 milhão de transações, que totalizaram R$ 1,78 bilhão.

Fonte: Correio Braziliense

VER COMENTÁRIOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.