x

13º salário

Segunda parcela do 13º salário cai nesta terça-feira; entenda os descontos

Na segunda parcela do 13º salário, incidem os descontos de Imposto de Renda Retido na Fonte e INSS.

20/12/2022 10:00:01

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
13º salário: veja os descontos da segunda parcela

Segunda parcela do 13º salário cai nesta terça-feira; entenda os descontos Pexels

O prazo para o pagamento da segunda parcela do 13º salário termina nesta terça-feira (20). O benefício é destinado para quem trabalhou, pelo menos, 15 dias com carteira assinada em 2022.

A data limite desta segunda parcela é específica para as empresas que optaram por pagar o benefício em duas vezes. Isso porque elas podem escolher entre quitar a cota integral de uma única vez ou dividi-la em duas frações.

Para as companhias que optaram pelo pagamento único, o prazo terminou em 30 de novembro.

O valor do 13º salário é calculado de forma proporcional ao tempo em que o funcionário prestou serviços durante o ano.

Contudo, é preciso lembrar que a  segunda parcela do benefício vem com alguns descontos, como Imposto de Renda  Retido na Fonte (IRRF) e contribuição previdenciária.

Valor do 13º salário

O 13º salário é equivalente a um salário mensal, mas proporcional ao tempo em que se trabalhou durante o ano. Portanto, se o empregado atuou na mesma empresa e com o mesmo salário nos últimos 12 meses, o décimo terceiro deve ter o mesmo valor de um salário bruto mensal.

No caso de quem trabalhou por menos tempo, é preciso fazer uma conta para chegar ao valor a ser pago. É necessário dividir o salário-base por doze e depois multiplicar pelos meses trabalhados. Veja o exemplo:

R$ 2.500 (salário) / 12 (meses) = R$ 208,33

R$ 208,33 X 6 (meses trabalhados no ano) = R$ 1.250

No exemplo acima, um funcionário que trabalhou por seis meses, recebendo um salário de R$ 2.500, tem direito a R$ 1.250 de 13º sem descontos. 

Se dividido em duas parcelas, a primeira deve ser de R$ 750 e a segunda, que teria o mesmo valor, sofre descontos previdenciário e de IRRF.

Os dois encargos que incidem sobre o 13º variam de acordo com o salário bruto.

Descontos do 13º salário

O desconto de IRRF pode ser de 0% a 27,5%, de acordo com a faixa salarial. Esses são os valores de 2022:

Tabela IRPF 2022

De

Até

Alíquota

Dedução do IRPF

R$ 0

R$ 1.903,98

-

R$ 0

R$ 1.903,99

R$ 2.826,65

7,50%

R$ 142,80

R$ 2.826,66

R$ 3.751,05

15%

R$ 354,80

R$ 3.751,06

R$ 4.664,68

22,5%

R$ 636,13

R$ 4.664,69

-

27,5%

R$ 869,36

Já o desconto do INSS sobre o salário bruto varia de acordo com a faixa salarial e a tabela é atualizada a cada ano. Confira os valores de 2022:

Tabela INSS

De

Até

Alíquota

Dedução do INSS

R$ 0

R$ 1.212,00

7,5%

R$ 0

R$ 1.212,01

R$ 2.427,35

9%

R$ 18,18

R$ 2.427,36

R$ 3.641,03

12%

R$ 91,00

R$ 3.751,06

R$ 7.087,22

14%

R$ 163,82

Ainda existe, na segunda parcela do décimo terceiro, a dedução por número de dependentes.

Dedução por Dependente (IR)

Valor

R$ 189,59

Descontos e adicionais do 13º salário

No cálculo do 13º salário, é preciso lembrar de considerar todos os adicionais ao calcular o 13° salário, como horas extras, adicional noturno, gratificação de função, periculosidade, entre outros.

Por outro lado, o benefício pode sofrer mais descontos na segunda parcela quando o trabalhador tem faltas injustificáveis. O empregado que tiver mais de 15 faltas não justificadas no mês poderá ter descontado de seu 13º salário a fração de 1/12 avos relativa ao período.

Leia mais sobre

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.