x

REGISTRATO

Registrato: acesso ao sistema do Banco Central muda nesta quarta-feira (1º) e passa a exigir login único

Usuários devem ter conta nível prata ou ouro para acessar o Registrato.

01/03/2023 14:00:03

  • compartilhe no facebook
  • compartilhe no twitter
  • compartilhe no linkedin
  • compartilhe no whatsapp
 Registrato muda forma de acesso a partir desta quarta-feira (1º)

Registrato: acesso ao sistema do Banco Central muda nesta quarta-feira (1º) e passa a exigir login único

O Registrato, sistema do Banco Central (BC) que permite consulta a dados financeiros e dívidas dos brasileiros, passa por uma alteração na forma de acesso a partir desta quarta-feira (1º).

A partir de hoje, o cidadão precisará de conta no Portal Gov.br, nível prata ou ouro, para acessar o Registrato.

Pelo Registrato, o brasileiro pode consultar informações gratuitas sobre dívidas com bancos e órgãos públicos, cheques devolvidos, contas, chaves Pix e operações de câmbio. O sistema permite, por exemplo, verificar se o CPF foi usado por terceiros.

A novidade do login único do gov.br pretende facilitar o acesso a diversos documentos e funcionalidades do governo, como a Carteira de Trabalho Digital (CTPS) e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) digital, evitando que o cidadão precise fazer conta em vários sites.

De acordo com informações do BC, a maioria dos usuários prefere usar a conta.gov.br para acessar os serviços do órgão oferecidos no portal único, mesmo quando existem outras opções. O login único foi usado em 97% dos acessos ao Fale Conosco, em 94% para o Protocolo Digital e 82% no caso do Registro Declaratório Eletrônico – Investimento Estrangeiro Direto.

A mudança estava prevista para ser implementada no dia 1º de fevereiro, mas foi adiada para este mês. 

Na ocasião, o BC justificou a prorrogação do prazo para "dar aos cidadãos mais tempo para se adaptar ao novo formato de acesso ao Registrato sem enfrentar maiores transtornos".

Como criar conta no Gov.br

  • O primeiro passo é acessar o site oficial do gov.br;
  • Selecione “entrar em gov.br” no site;
  • Informe seu CPF e, se não houver cadastro, o usuário será redirecionado para a página de criação de login e senha;
  • Aqueles que possuírem CNH digital ou biometria facial no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), terão o reconhecimento facial feito pelo aplicativo gov.br. Se der tudo certo, sua conta já será ouro ou prata;
  • Caso o interessado não tenha essas opções, poderá criar sua conta utilizando algum dos bancos credenciados para validar suas informações.

Leia mais sobre

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ARTICULISTAS CONTÁBEIS

VER TODOS

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.