x

FÓRUM CONTÁBEIS

DEPARTAMENTO PESSOAL E RH

respostas 2

acessos 1.524

Certificado Digital para Inventariante

Aline ♥

Iniciante DIVISÃO 5, Analista
há 47 semanas Quarta-Feira | 18 novembro 2020 | 16:49

Boa Tarde!
Um produtor rural com cadastro no CEI/CAEPF faleceu e seus bens entraram em inventário, hoje solicitamos a inventariante que realizasse a emissão do certificado digital em seu nome com vínculo ao CEI/CAEPF, a certificadora informou que essa ação não é mais permitida porque é necessário que o CEI/CAEPF já esteja vinculado ao CPF dela. Não consegui realizar a transferência do CEI/CAEPF para o inventariante, a informação que recebi é que por se tratar de um CEI padrão 80.000 é necessário realizar a baixa desse CEI/CAEPF na data do falecimento do titular  e cadastrar um novo CAEPF em nome do inventariante e nas carteiras de trabalho dos empregados realizar a anotação de transferência.
Gostaria de saber se alguém já realizou esse procedimento e se realmente é o correto.

Marilene Ferraz Marcolino

Prata DIVISÃO 5, Gestor(a)
há 47 semanas Quinta-Feira | 19 novembro 2020 | 15:19

Boa tarde

Não é permitido transferência de funcionários de CEI para CEI, apenas de CEI para CNPJ desde que sejam do  mesmo grupo econômico.
Então é correto sim rescindir o contrato com todos os funcionários por falecimento do empregador e depois recontrata-los no novo CEI da inventariante.
Caso seja muito oneroso é possível compor acordo junto ao Tribunal Arbitral, caso esteja tudo ok em relação aos recolhimentos de FGTS e INSS.

E por não saber que era impossível, ela foi lá e fez...

Raquel Nunes

Bronze DIVISÃO 5, Contador(a)
há 12 semanas Terça-Feira | 27 julho 2021 | 11:38

Bom dia Aline Santos!

Como conseguiu resolver o caso da dispensa dos funcionários?
Estou na mesma situação.
Não sei como proceder com relação ao seguro desemprego, visto que não há certificado digital da empregadora falecida.
Poderia me ajudar?




 

RECEBA CONTEÚDO EM SEU EMAIL cadastrar

O Portal Contábeis se isenta de quaisquer responsabilidades civis sobre eventuais discussões dos usuários ou visitantes deste site, nos termos da lei no 5.250/67 e artigos 927 e 931 ambos do novo código civil brasileiro.